Fiscalização dos recursos da merenda escolar começa em abril

28/02/2011 19:41

Visitas começam nos municípios de Guiratinga, São José do Povo, Tesouro e Acorizal

 

A fiscalização da aplicação correta dos recursos da merenda escolar já tem data certa para começar. Em abril, o Conselho de Alimentação Escolar de Mato Grosso (CAE/MT) visita as escolas dos municípios de Guiratinga, São José do Povo, Tesouro e Acorizal. Esse e outros encaminhamentos foram tirados na reunião da entidade, realizada no último dia 24.

Além do roteiro de visitas, a prestação de contas das escolas referentes ao exercício de 2010 e o cronograma de reuniões do Conselho integraram a pauta do encontro. "O próximo passo é emitir pareceres a respeito das prestações de contas das escolas, já que apenas cinco das 14 selecionadas para amostragem apresentaram o relatório", informou o 1° secretário de Finanças do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), João Eudes.

Nesta quinta-feira (03), o CAE/MT se reúne novamente para definir os próximos encaminhamentos, assim como as datas das visitas de fiscalização do mês de abril. Nelas, os conselheiros verificam se as escolas da rede pública receberam os recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), repassados na primeira semana do início do ano letivo. "Também é função do Conselho fiscalizar a correta aplicação desses recursos, de acordo com a política do PNAE", acrescentou João Eudes.

Também representaram o Sintep/MT na reunião, a secretária-geral, Vânia Miranda (presidente do CAE/MT); a diretora do polo regional Sul II - Vale do São Lourenço, Doralice Vieira de Castro; a secretária adjunta de Políticas Sociais, Edina Martins; o secretário adjunto de Redes Municipais, Gilberto Pereira de Almeida; o diretor do polo regional Noroeste - Vale do Juruena, Ailton Oliveira de Amorim; e o secretário de Administração Sindical, Ziquidalto de Castro Rodrigues. O vice-presidente do CAE/MT, professor da Educação de Vila Bela, Eduardo Rodrigues, também participou do encontro.

Fonte:Plantão News

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!