Mais votado do país, Tiririca é um dos mais improdutivos do Legislativo

10/05/2011 08:19

 

Tiririca decepciona e é um dos mais improdutivos da Câmara
Já se passaram mais de três meses desde que os 513 deputados assumiram o mandato na Câmara. O tempo, no entanto, parece ter sido insuficiente para que a maioria deles transformasse em projetos as propostas feitas durante a campanha eleitoral.

Levantamento feito pelo GLOBO com base em informações da Casa revela que, dos parlamentares que exercem o mandato neste momento, menos da metade apresentou pelo menos um projeto de lei, projeto de lei complementar e projeto de emenda à constituição (PEC).

Ao todo, 250 dos 513 deputados que estão no exercício do mandato apresentaram algum projeto. Dos 50 parlamentares que estão licenciados no momento, 12 foram autores de alguma proposta remetida à Mesa Diretora. Portanto, nesta legislatura, 262 deputados - entre titulares e suplentes - apresentaram 1.116 projetos de lei, projetos de lei complementar e PECs.

Apenas proposições remetidas à Mesa Diretora até o dia 4 de maio e que estão em tramitação foram levadas em conta. Embora muitos deputados tenham feito propostas consideradas sem importância - como a criação de datas para homenagear alguém -, o levantamento não julga a relevância das propostas.
Para o cientista político Geraldo Tadeu, existe uma explicação para o baixo número de proposições:

- A Câmara teve um alto índice de renovação. É normal que parlamentares novos, por exemplo, levem tempo para aprender a dinâmica.

Entre os dez deputados mais votados, apenas Tiririca e um tucano não apresentaram projetos.

Deputado federal mais votado do país, Tiririca está na lista dos que não apresentaram nenhum projeto. Entre a lista dos dez eleitos com maior número de votos para a Câmara, apenas o comediante e um tucano, Rodrigo de Castro (MG), não fizeram proposições.

Extremo oposto, Weliton Prado (PT-MG) é o deputado que mais proposições apresentou este ano: 75 no total.

- A maioria destes projetos eu defendo há muito tempo, principalmente na área de defesa do consumidor. Mais ou menos 20 destas propostas que apresentei estavam tramitando, mas foram arquivadas - explicou Weliton.

Por procedimento, a Câmara arquiva projetos no término de cada legislatura. Para passarem a valer novamente, é preciso que um dos novos parlamentares o apresente outra vez, para que a proposta volte a tramitar.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!