Polícia localiza esconderijo de ladrões que detonaram banco em MT

05/12/2010 23:24
A polícia cercou parte da mata onde os bandidos que assaltaram o Banco do Brasil em Campo Novo dos Parecis (400 km de Cuiabá) estão escondidos. Fica na região da "Ponte de Pedra", a cerca de 100 km Campo Novo, sentido Nova Maringá. Eles fugiram pela MT-235 (acesso a São José do Rio Claro) e entraram em uma estrada vicinal. Chegaram em uma fazenda e libertaram os últimos 3 reféns, sem ferimentos. Foram 10 pessoas - bancários e clientes- dominados e levados pelo bando em duas caminhonetes.

Eles usaram outra estrada vicinal para chegar na segunda fazenda. Próximo da mata, abandonaram a S-10 preta. Levando armas e os malotes com muito dinheiro, entraram na área florestal. O helicóptero da PM sobrevoou o local esta tarde, algumas vezes, com atiradores de elite mas não viram os bandidos. A polícia acredita que sejam 10 e podem ter montado acampamento na mata - assim como fez a quadrilha que assaltou bancos em Nova Mutum.

O banco não confirmou o valor roubado. Mas entre hoje e amanhã seria feito pagamento de funcionários de uma grande empresa. Amanhã a agência não deve funcionar. Está sem condições técnicas e operacionais. Conforme Só Notícias informou, além de serem dados muitos tiros na parte interna, foi colocado fogo danificando sistema elétrico e de comunicação. É o primeiro assalto a banco na cidade, cuja economia é baseada na agricultura e em uma usina de álcool.

Além do delegado Eder Clay Santana, baleado na perna, um soldado e um policial civil foram baleados de raspão. Ao menos dois clientes do banco teriam tido pequenos cortes devido aos estilhaços das portas de vidro temperado estouradas à bala.

Fonte:Só Notícias/Editoria com Joel Lins, de Campo Novo


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!