‘Novo Cangaço’ ataca de novo em MT

11/07/2011 07:52

Durante a madrugada de sábado, dez homens fortemente armados invadiram o município de Poconé, trocaram tiros com a polícia e explodiram caixa
 


Somente nos últimos cinco dias, três agências do Banco do Brasil foram invadidas por quadrilhas no interior de Mato Grosso: ‘novo cangaço’

Fonte:Diário de Cuiabá

Em cinco dias, três agências do Banco do Brasil, localizadas em diferentes cidades do interior de Mato Grosso, foram alvos de assaltantes. A última foi a agência que fica no Centro de Poconé (104 quilômetros, ao sul de Cuiabá). Na madrugada de sábado, cerca de 10 homens armados com fuzis estouraram um dos caixas eletrônicos, fizeram cerca de quatro pessoas reféns, trocaram tiros com a Polícia Militar e deixaram a população amedrontada.

O assalto, na modalidade “novo cangaço”, ocorreu por volta das 2h30. “Os bandidos estavam encapuzados, com colete à prova de bala e fizeram de quatro a cinco pessoas reféns”, informou o coronel Pery Taborelli, cujo comando tem jurisdição em Poconé. A audácia dos assaltantes também mobilizou pelo menos 60 homens do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Rondas Táticos Móveis (Rotam), além do patrulhamento aéreo.

Os bandidos teriam usado dinamite para tentar explodir os caixas da agência. Conforme Taborelli, eles conseguiram estourar apenas um dos equipamentos, onde estavam inúmeros cheques. A quantia levada não foi confirmada, mas extra-oficialmente a informação é de que foram levados aproximadamente R$ 100 mil.

Na saída do banco, o bando rendeu de quatro a cinco pessoas, que foram usadas como escudo humano na ação e liberadas logo depois. Taborelli informou que a guarnição da PM, formada apenas por dois militares, chegou praticamente na hora e foi recebida à bala pelos bandidos.

“Eles atiraram para todos os lados e as balas atingiram várias lojas e um táxi. O taxista também levou uma coronhada”, contou uma testemunha. “Está todo mundo com medo. Na quinta-feira passada, assaltaram a agência dos Correios e um mercadinho, de onde levaram R$ 8 mil. A população está apavorada com a onda de roubos que vem ocorrendo”, acrescentou.

Os bandidos fugiram em uma caminhonete. Mas, conforme Taborelli, um Gol foi abandonado em uma estrada que dá acesso ao município de Cáceres. “Eles jogaram pó químico no extintor de incêndio provavelmente para apagar as digitais”, comentou. Até o fim da manhã de ontem ninguém havia sido preso.

A ação foi semelhante ao ocorrido na noite da última terça-feira em Paranatinga (370 quilômetros da capital). Na ocasião, 10 homens também fortemente armados fizeram reféns todos os policiais militares da cidade, invadiram a agência do Banco do Brasil e tentaram explodir o cofre. Na quarta-feira, a polícia localizou alguns dos bandidos, mas não conseguiu prendê-los.

Antes da ação em Paranatinga, no início da tarde, uma quadrilha invadiu a agencia do BB de Nova Monte Verde e levou dinheiro, cuja quantia não foi divulgada. A quadrilha fez vários clientes reféns. Até então, ninguém ainda


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!