Candidatos são ameaçados de prisão

29/09/2012 08:16

Escrito:Por FRANCIS AMORIM        Fonte:Diário de Cuiabá/Barra do Garças

 

Os candidatos e cabos eleitorais que lançarem santinhos ou qualquer espécie de propaganda eleitoral nos locais de votação no dia 7 de outubro, em Barra do Garças, correm o risco de ser presos. O alerta foi feito pelo juiz da 47ª Zona Eleitoral, Francisco Rogério Barros. 

Segundo ele, a legislação eleitoral é clara quanto a essa prática. “No dia da votação é proibido qualquer tipo de manifestação próximo às seções eleitorais. As polícias Militar, Civil e Federal estão orientadas a prender quem desrespeitar a lei”, disse o juiz, num claro recado aos candidatos ou militantes que utilizam desse meio para cooptar eleitores. 

Francisco Rogério alertou também sobre a boca-de-urna. “A polícia vai agir com rigor. Os candidatos tiveram todo o tempo para fazer campanha. No dia 7, é reservado ao eleitor. O dia em que ele se manifesta democraticamente votando no candidato que apresentou as melhores propostas”, disse o juiz, que solicitou reforço policial para coibir a boca-de-urna em Barra do Garças, General Carneiro, Torixoréu e Ribeirãozinho. 

O juiz da 47ª Zona Eleitoral lembrou que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) lançou uma campanha – “Cidade Limpa” - com o objetivo de evitar que as cidades de Mato Grosso sejam sujadas no dia 7 de outubro pelo lixo eleitoral despejado pelos candidatos e cabos eleitorais. “Queremos uma cidade limpa e uma eleição democrática onde o cidadão possa exercer o seu direito de voto”, ressaltou Francisco Rogério. 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!