Cerca de 200 indígenas cercam sede da Câmara de Tangará em protesto

05/05/2012 10:17

 

 

Cerca de 200 índios cercam, a sede da Câmara de Tangará da Serra. Um outro grupo está reunido, dentro do Poder Legislativo, com autoridades do município tentando negociar uma solução para a reivindicação. Os indígenas protestam contra as autoridades policiais cobrando punição a uma pessoa que dirigia um veículo que se envolveu no acidente e que tirou a vida de Milson Zezokae, 27 anos, no sábado de manhã, na Vila Alta (na região). A comunidade indígena culpa o motorista pela morte do jovem indígena, pois ele fugiu sem prestar socorro a vítima.

De acordo com informações da assessoria da Câmara de Tangará, os índios estão em reunião com os juízes Sebastião Marcelo Prado de Moraes e André Maurício Lopes Prioli, o promotor Renee do Ó Souza, o delegado regional da Policia Civil Edmar Darias Filho, representantes da PM, presidente da Câmara, Luiz Henrique Barbosa Matias, e a vereadora Vânia Regina Ladeia Trettel, representante da Funai, entre outros.

Homens da Polícia Militar observam a movimentação tanto dentro, quanto fora da sede da Câmara.

De acordo com o Diário da Serra, os indígenas saíram insatisfeitos de uma reunião com o delegado regional Edmar Faria Filho. Eles queriam o nome da pessoa que conduzia o veículo que matou o indígena.


Por: Alex Fama
Fonte: Só Notícias


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!