Chapada dos Guimarães: Motorista morre ao bater no paredão do Portão do Inferno

10/08/2011 10:13
 
A frente do caminhão ficou completamente destruída após bater no paredão, na MT-251
O motorista José Carlos dos Santos, 36, morreu na madrugada desta segunda-feira (8), após perder o controle de um caminhão baú que dirigia e bater no paredão do Portão do Inferno, na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), a 45 km de Cuiabá. 

O acidente ocorreu por volta das 4 horas, quando Santos seguia de Campo Verde (100 km ao Sul) em direção à Capital. Após passar pelo quebra-molas, antes da antiga pamonharia, perdeu o controle e bateu de frente com o paredão. O choque foi tão violento que o motorista morreu preso nas ferragens.

O baú do caminhão arrebentou e várias caixas de ovos foram jogadas a cerca de cinco metros, com algumas ficando enroscadas em galhos de árvores. A carga ficou espalhada pela pista, que ficou lenta até a retirada do veículo.

O Corpo de Bombeiros teve que serrar a porta do caminhão para retirar o corpo do motorista, que viajava sozinho. A carga seria levada para o Atacadão, no bairro do Porto. 

A funcionária da granja onde José Carlos dos Santos pegou a carga desconfiou da demora, entrou em contato com a Polícia e descobriu que o motorista havia batido o caminhão no paredão. 

“Quando soubemos do acidente, viemos até aqui ao local, mas não imaginávamos que teria ocorrido uma tragédia desses”, disse a colega do motorista.

Segundo policiais da Delegacia Municipal de Chapada dos Guimarães, o motorista estaria em velocidade acima do permitido para o local. Ao passar pelo quebra-molas, perdeu o controle e bateu no paredão.

“O choque foi tão violento que o paredão chegou a ficar abalado, perdendo algumas lascas. Caixas de ovos foram parar bem acima da cabine. Então, tudo indica que a velocidade não era a adequada para aquele trecho”, observou um policial.

Fonte:Midia News

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!