Com protestos, cidade fica sem combustível; ainda podem faltar comida e remédio

29/06/2012 07:20

Fonte:Olhar Direto

 

Da Redação - Priscilla Vilela

Foto: Aprosum

Com protestos, cidade fica sem combustível; ainda podem faltar comida e remédio

Isolada do restante do estado pelos bloqueios às quatro rodovias estaduais e federais que dão acesso ao interior da cidade, Alto da Boa Vista (1.062 km de Cuiabá) – decretada como em situação de emergência- já está sem combustível para as ambulâncias, caminhões pipas que fazem abastecimento de água na cidade, e nos próximos dias pode ficar até sem remédio. 

O prefeito Wanderley Perin (PR) em entrevista ao Olhar Direto esclareceu que desde o domingo (24) serviços essenciais estão sendo interrompidos porque não há gasolina para os veículos. Inclusive o governador em exercício Chico Daltro (PSD) já entrou em contato com o gestor para tentar tranqüilizar, afirmando que fará o auxílio no fornecimento de materiais. 

Apesar dos conflitos até o momento, a manifestação tem se dado de forma pacífica sem embate, contudo o prefeito teme que com a demora da resolução do impasse, os motoristas que estão presos na estrada e perdem seus produtos, comecem a se revoltar e iniciem um conflito, complicando ainda mais a situação. 

“Até o momento está tudo pacífico, mas os caminhões parados estão perdendo os produtos, tem carne estragando, entre outras coisas. Tememos que quem está preso lá comece a se revoltar e inicie um conflito. Queremos apenas que se busque a paz e que os governos Estadual e Federal não cometam uma injustiça”, desabafou.

As estradas que desembocam na cidade, as BRs 080, 158 e 342, além da MT-466 estão bloqueadas por manifestantes, no impasse entre indígenas e posseiros envolvidos no conflito sobre a demarcação de terras remanescentes de Suiá Missú. A obstrução das rodovias começou no último sábado (23) e ainda não há previsão para término. 

O bloqueio é organizado pela Associação dos Posseiros da Suiá-Missú, que contaria com apoio de um grupo de mais de 450 índios e prejudica 13 cidades do Norte Araguaia: São Felix, Luciara, Porto Alegre do Norte, Canabrava do Norte, Confresa, Santa Terezinha, Vila Rica, Santa Cruz do Xingu, São José do Xingu, Novo Santo Antônio, Serra Nova Dourada e Bom Jesus do Araguaia.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!