Deputados estaduais querem aumento de R$ 1 mi nas emendas

13/11/2011 09:47
fonte:Olhar Direto
Foto: ReproduçãoDeputados estaduais querem aumento de R$ 1 mi nas emendas

Capitaneados pelo líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Romoaldo Júnior (PMDB), os parlamentares vão lutar para que cada um tenha direito a indicar ao menos R$ 2 milhões no Orçamento 2012, e não apenas  R$ 1 milhão, como pretende o governo estadual.

“Já me reuni com os deputados e o presidente José Riva (PSD), e o próximo passo é conversar com o governador. O aumento do valor das emendas torna possível atender melhor os municípios, que carecem de recursos”, disse Romoaldo em acordo com os demais colegas de parlamento.

Fixada em R$ 13 bilhões, a Lei Orçamentária Anual (LOA) 2012 de Mato Grosso teve um incremento de R$ 1,76 bilhão em relação a 2011, ou 15,67%. E é nesse incremento que os legisladores apostam para conseguir aumentar suas emendas.

Com o crescimento da receita, foi possível aumentar o orçamento de todas as grandes áreas do governo, com exceção do administrativo, que sofreu corte de 52%: caiu de R$ 910 milhões para R$ 436 milhões.

A área econômica-ambiental foi a que teve o maior aumento. São 96,5% a mais do que no orçamento de 2011. A área social receberá incremento de 11,4%, e as despesas das funções típicas dos poderes (recursos destinados aos poderes Legislativo e Judiciário) crescerão 14,9%. Os encargos especiais devem aumentar 6,4% e a reserva de contingência sobe 98,2%.

O fato é que há tempos os deputados se mostram insatisfeitos com o corte nas emendas parlamentares individuais e durante a primeira audiência pública realizada esta semana pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da AL para tratar da Lei Orçamentária Anual (LOA) 2012 de Mato Grosso, o assunto foi discutido.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!