Descobertas novas espécies de peixes no Mato Grosso

09/10/2011 09:12
Foto: Globo Natureza
A expedição Guariba-Roosevelt, que percorreu quatro unidades de conservação no Noroeste do Mato Grosso, pode ter trazido à luz quatro novas espécies de peixes.
 
A descoberta das quatro espécies de peixes foi realizada em rios de cabeceira. 
 
Os animais que mais chamaram a atenção dos pesquisadores durante os trabalhos em campo foram um lambari pescado numa região de campinarana (áreas de campos amazônicos), próxima ao Rio Roosevelt, e um bagre coletado nas imediações do Rio Madeirinha. O que leva os pesquisadores a crer que são espécies novas são suas características físicas.

“Essas espécies indicam um alto endemismo na região, o que pode nos ajudar a compreender o padrão de evolução das espécies na área. E também levantar hipóteses sobre o que pode estar fazendo algumas dos peixes coletados estarem desaparecendo e ameaçados de extinção”, diz James Machado, um dos biólogos responsáveis pela coleta e pelos estudos que comprovam a descoberta – feita em parceria com os pesquisadores SolangeArrolho, da Universidade Estadual de Mato Grosso, e Rosalvo Rosa Duarte do Programa de Pesquisa em Biodiversidade (PPBIO) do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT).

Os peixes coletados foram levados aos laboratórios da Unemat, no Município de Alta Floresta. Onde, estudos mais detalhados vão comprovar se são de fato novas espécies. A pesca ilegal e os garimpos foram as principais ameaças à biodiversidade encontradas na região. 
 
A Secretaria Estadual de Meio Ambiente do Mato Grosso chegou a fazer uma autuação na área durante a expedição. 
 
Fonte: Da redação Alta Floresta News

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!