Divórcio coletivo beneficia 50 casais em MT

31/01/2012 09:16

 

Por intermédio da Defensoria Pública de Mato Grosso, 50 casais de Mirassol D’Oeste (300 Km ao oeste de Cuiabá) conseguiram se livrar de antigos casamentos que na prática já não existiam há muito tempo, mas que por falta de dinheiro para oficializar a separação permaneciam como casados nos papeis. O divórcio coletivo realizado em janeiro foi o primeiro da cidade e após a cerimônia, outras pessoas ainda procuraram os responsáveis pelo projeto para oficializarem a separação. Em Cuiabá, o Balcão da Cidadania da Defensoria Pública realizou 1.391 divórcios em 2011 que está entre as ações mais procuradas.

A ação, que é fruto de parceria da Defensoria Pública, do Poder Judiciário e do Legislativo, ocorreu nas dependências da Promotoria de Justiça daquela cidade. Os beneficiados, eram pessoas que há muito tempo estavam separadas, e muitas já tinham inclusive, formado novas famílias e não regularizavam a situação sempre pela falta de dinheiro para arcar com os custos da legalização do divórcio.

Responsável pela Comarca de Mirassol D’O este, o juiz Anderson Candiotto, explica que a intenção do mutirão é que o divórcio seja de fato oficializado, uma vez que a separação já se perdura por anos. O ato permite que as pessoas divorciadas, além de regularizar a situação, possam contrair novas uniões.

Autor:Welington Sabino

Fonte:GD


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!