Eder Moraes retruca ofensas e calça sandálias da humildade

24/09/2011 09:03
Fonte: No Poder   

Após esbanjar arrogância e exalar o perfume dos que comandam o Poder, o presidente da Agência Estadual de Execução dos Projetos da Copa do Mundo de 2014  (Agecopa), Eder Moraes, resolveu baixar a bola, e em resposta as críticas feitas por deputados revidou dizendo que é “humilde”.

Para se justificar Eder afirmou que houve uma confusão de entendimento em relação à gestão e postura adquirida por ele. “Quem me conhece sabe quem sou e que tenho humildade. Hoje não preciso mais ficar dizendo que sou leal a um ou outro e que ajo apenas com a razão”.

A falta de humildade de Éder, no entanto, já é percebida há muito, porém poucos tinham coragem de falar sobre o assunto.  No episódio em que ele o secretário da Agecopa Carlos Brito protagonizaram uma rixa interna ao se desentenderam sobre a melhor opção para mobilidade urbana em 2014, ficou ainda mais evidente a arrogância e os superpoderes. Eder pediu inclusive a demissão de Brito.

Ele se sentiu ainda mais seguro depois do anúncio da criação da Secretária Estadual da Copa (Secopa), tamanha segurança por parte do “futuro” secretário da Secopa e fiel assumido  ao governador Silval Barbosa, deve se ao fato de que mesmo com o descarte da Agecopa, o presidente diferentemente dos companheiros secretários que serão eliminados da lista de empregos, terá sua vaguinha garantida. Porém, não terá mais poderes sobre todo o orçamento da Copa 2014.

“Sem grana, não há poder”.  É por isso que de qualquer maneira calça as “sandálias da humildade”.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!