Falsa advogada é detida ao tentar defender presos

30/07/2012 09:00

Fonte:G1/MT

 

Uma jovem de 28 anos foi detida por suspeita de falsidade ideológica ao se apresentar como advogada na Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), de Cuiabá, nesta quinta-feira (26). De acordo com a Polícia Civil, apesar de não possuir registro profissional, ela pretendia atuar na defesa de dois homens que foram presos em flagrante com medicamentos e agrotóxicos roubados na quarta-feira (25) em uma residência no bairro Parque Cuiabá.

 

A suspeita foi autuada depois da polícia obter uma certidão emitida pela Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso(OAB-MT) confirmando que ela não possui o registro obrigatório para o exercício da profissão. Segundo a assessoria da Polícia Civil, os policiais desconfiaram da idoneidade da falsa advogada pelo fato dela não ter apresentado a carteira da Ordem quando chegou à Delegacia.

Conforme o delegado Francisco Kunze, a polícia sempre faz esse tipo de verificação. "Temos o procedimento de checar quando a identidade funcional não é apresentada”, disse Kunze. A suspeita foi conduzida à Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May, na capital, já que, nesse caso, não cabe fiança.

Os suspeitos foram presos após levantar suspeita nos policiais que faziam rondas na região. Com eles, foram apreendidos mais de R$ 500 em medicamentos, que foram furtados de uma distribuidora em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, além de 758 litros de defensivos agrícolas, cuja origem ainda não foi identificada. 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!