Quadrilha faz PMs reféns para explodir cofre de banco em Mato Grosso

05/07/2011 13:23

Segundo a Polícia Militar, bando usou os PMs como escudo humano.
Depois do crime, cidade conta com reforço de 60 homens do Bope.

Fonte:Dhiego Maia Do G1 MT

Quadrilha tenta arrombar cofre em Paranatinga (MT) (Foto: Anderson Augusto/Paranatinga.com)
Quadrilha não conseguiu explodir cofre de agência 
bancária (Foto: Anderson Gustavo/Paranatinga.com)

Dez homens fortemente armados com fuzis invadiram na noite desta segunda-feira (04) uma agência bancária para explodir o cofre e caixas eletrônicos na cidade de Paranatinga, a 411 quilômetros de Cuiabá.

De acordo com informações da Polícia Militar do município, para concretizar o crime, parte da quadrilha fez refém três policiais militares que estavam em um posto fiscal localizado a 30 quilômetros da cidade, na rodovia MT-130. Dentro da agência, os policiais foram usados como escudo humano. O bando também utilizou a viatura da PM para chegar a Paranatinga.

Antes de entrar em confronto com os criminosos, os policiais militares encontraram um homem, supostamente integrante da quadrilha, abastecendo um veículo em atitude suspeita. Na abordagem, os policiais localizaram uma grande quantidade de mantimentos, redes, mochilas e combustível extra dentro do porta-malas do veículo.

A quadrilha, conforme informações da Polícia Militar, chegou na cidade atirando. O bando efetuou disparos contra a fachada da agência, quebrou os vidros e conseguiu ter acesso ao cofre do banco. Por 40 minutos, a quadrilha tentou arrombar o cofre com o uso de explosivos, mas apenas um teria detonado. A Polícia Militar informou que a quadrilha não conseguiu roubar nada. Todos conseguiram fugir, inclusive, o homem que foi abordado pelos policiais.

Quadrilha tenta arrombar cofre em Paranatinga (MT) (Foto: Anderson Gustavo/Paranatinga.com)
Ladrões fugiram após a tentativa de roubo. Até o
momento ninguém foi preso.
(Foto: Anderson Gustavo/Paranatinga.com)

Um dos veículos utilizados pela quadrilha foi incendiado e abandonado pelos criminosos na rodovia MT-130. A Polícia Militar suspeita que o bando empreendeu fuga rumo à cidade de Sorriso.

Em entrevista ao G1, o capitão da Polícia Militar Gibson Almeida Costa Júnior informou que a quadrilha só conseguiu fugir porque estava fortemente armada. O capitão ainda disse que a cidade recebeu reforço de 60 homens do Batalhão de Operações Especiais (Bope), que estão na região para tentar prender os assaltantes.

Outro roubo
Na tarde desta segunda-feira (04) outra agência bancária também foi alvo de criminosos em Mato Grosso. Uma quadrilha invadiu um banco do município de Nova Monte Verde, a 920 quilômetros de Cuiabá, e levaram uma quantia em dinheiro ainda não divulgada pela polícia. A quadrilha fez vários clientes reféns para fugir. Ninguém ainda foi preso.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!