Homem atacado por onça terá de fazer plástica

31/01/2012 10:11

 

Ferimentos infeccionaram e caminhoneiro continua internado

Rachel Rocha/Rádio Centro América 


Vítima levou mais de 200 pontos pelo corpo

Autor:POLLYANA ARAÚJO

Fonte:G1MT

O caminhoneiro Alex Eduardo Petkovicz, de 33 anos, que foi atacado por uma onça pintada na região central de Ipiranga do Norte, a 455 quilômetros de Cuiabá, no último dia 25, terá de passar por uma cirurgia plástica para a reconstrução do rosto. Segundo o irmão da vítima, Alan Petkovicz, parte da carne da face que se soltou com a mordida do animal foi colocada de volta, mas o ferimento infeccionou e necrosou.

"O médico falou que ele vai precisar fazer uma cirurgia se não vai ficar um buraco no rosto porque a onça chegou a arrancar um pedaço de carne. Tentaram colocar de volta só que não deu certo", explicou Alan ao G1.

 irmão disse que o caminhoneiro está internado em uma unidade de saúde particular em Sorriso, a 420 quilômetros da capital, e a previsão é que tenha alta no final desta semana, apesar de os ferimentos ter infeccionado.

A necessidade de fazer o procedimento cirúrgico foi confirmada pela equipe médica do hospital particular em que a vítima está internada. Logo depois do ataque, Alex foi levado ao Hospital Regional de Sorriso e liberado depois de receber mais de 200 pontos nos braços, cabeça e no rosto. Ele voltou para Ipiranga, onde mora com a família, mas o estado de saúde piorou. Inclusive, correu o risco de perder o braço direito, conforme informou o irmão da vítima.

Atendendo recomendação de um médico de Ipiranga do Norte, o caminhoneiro retornou para Sorriso e procurou um especialista em cirurgia plástica. Por causa da infecção, passou por um procedimento cirúrgico nesta segunda-feira (30) para a retirada dos pontos do braço. "Como tinha muito pus, o ferimento do braço vai ficar aberto para eliminar as secreções. Ele [Alex] ficou com muito medo de perder o braço", contou o irmão.

Desse modo, será necessário melhorar bem o braço para depois fazer a cirurgia plástica. Único a ver a onça, Alex que se mudou para Mato Grosso há menos de um ano, disse que foi atacado duas vezes seguidas pelo animal durante a madrugada do último dia 25 quando estava em um barracão onde fica o caminhão com o qual trabalha.

O felino deixou marcas de pegadas no chão e, segundo a Polícia Militar do município, havia sinais de que ela estava com dois filhotes. Ele foi socorrido por vizinhos e recebeu os primeiros socorros no posto de saúde de Ipiranga do Norte.

 

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!