Identificação biométrica atinge 71 mil eleitores em MT

04/08/2012 10:44

 

Escrito:Por Welington Sabino, Fonte:GD

Mesmo com apenas 8 municípios aptos a utilizar a tecnologia que identifica o eleitor pelas impressões digitais na hora de votar, Mato Grosso é o Estado do Centro-Oeste com a maior quantidade de cidades cadastradas pela Justiça Eleitoral. Os vizinhos Mato Grosso do Sul e Goiás têm respectivamente 6 e 4 municípios aptos a realizem uma eleição 100% biométrica. Contudo, o Estado aparece na outra extremidade, em último no ranking, quando o assunto é a quantidade de eleitores que vão usufruir da tecnologia: 71.032 eleitores, diante de 73.104 eleitores sul-matogrossenses e 881.526 em Goiás.

A Justificativa é que em Mato Grosso os municípios de Acorizal, Campo Verde, Chapada do Guimarães, Jangada, Nossa Senhora do Livramento, Santo Antônio do Leverger, Ponte Braca e Vale do São Domingos, que tiveram os eleitores cadastrados pela Justiça Eleitoral, são todos de pequeno porte e concentram uma pequena parte do eleitorado mato-grossense. A meta é em 2014 expandir a biometria para metade do eleitorado e em 2016 atender a totalidade.

Por outro lado, em Goiás, a capital Goiânia que concentra a maior parte do eleitorado daquele estado está entre os 4 municípios que vão usar a tecnologia. As urnas biométricas são os modelos mais avançados e garantem mais segurança ao processo eleitoral através do reconhecimento facial e das 10 impressões digitais das mãs de cada um dos eleitores cadastrados.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nas eleições de outubro próximo, a tecnologia será utilizada em 299 cidades brasileiras, estando aptos a serem identificados pela biometria exatos 7.771.692 eleitores. Nos Estados de Alagoas e Sergipe, praticamente todo o eleitorado será submetido à identificação pelas digitais na hora de votar. Nas capitais Curitiba-PR, Goiânia-GO e Porto Velho-RO a biometria também atingirá quase todos os eleitores.

O número foi divulgado pela coordenação do projeto de identificação biométrica do eleitor após o processamento e a auditoria do cadastro de eleitores, encerrados em julho último. O projeto é desenvolvido pela Justiça Eleitoral desde 2007 e, até o momento, apenas os Estados do Amazonas e de Roraima e o Distrito Federal ainda não iniciaram a revisão eleitoral para uso da biometria.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!