Índios liberam funcionários do governo em Alta Floresta

24/10/2011 10:50
Fonte:Redação 24 Horas News
 
 
Foram libertados na manhã deste sábado sete funcionários da Fundação Nacional do Índio (Funai) e da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) que eram mantidos reféns por índios da aldeia Kuruzinho na região de Alta Floresta, no limite entre o Mato Grosso e o Pará, desde a última segunda-feira. As informações são da Secretaria-Geral da Presidência da República.
Segundo a secretaria, os funcionários foram explicar aos indígenas origem Kaiabi uma proposta de construção de hidrelétrica na região, mas eles não concordaram com a demarcação de uma reserva prometida pelo governo e retiveram os funcionários.
A secretaria participou da negociação e diz que, após explicar melhor os planos e prometer demarcar fisicamente a reserva ainda em outubro, conseguiu com que os índios libertassem os reféns. Uma delegação dos indígenas seguirá para Brasília para novas negociações com o governo.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!