Moradores da Gleba Ariranha em Santo Afonso recebem Título Definitivo de Propriedade

28/11/2011 08:50
© Marcos Vergueiro/Secom-MT
Governador Silval Barbosa participa da entrega de Títulos Definitivos da Gleba Ariranha

O governador Silval Barbosa participou na manhã de sábado (26.11) da cerimônia de entrega de 230 Títulos Definitivos de Regularização Fundiária da Gleba Ariranha, localizada no município de Santo Afonso (280 km a médio Norte). Os Títulos Definitivos de Propriedade foram emitidos pelo Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat).

Este é um momento muito especial, disse o governador, salientando que o maior benefício de receber o título de propriedade é a segurança real e jurídica. “O maior sonho é a estabilidade”, declarou Silval, lembrando aos moradores a necessidade de registrar as terras em cartório. “A regularização fundiária urbana e rural é uma prioridade nossa”, declarou o chefe do Executivo Estadual.

O presidente do Instituto de Terras do Estado de Mato Grosso (Intermat), Afonso Dalberto, lembrou que em 2011, foram 10 mil títulos entregues no Estado. Ele salientou que entregar títulos definitivos de propriedade é uma das ações mais importantes do governo do Estado. “Para o ano que vem, queremos entregar mais 35 mil títulos”, informou Afonso.

Para o prefeito de Santo Afonso, Sílvio Souto, o título é uma vitória para os moradores da Gleba Ariranha. “Isso representa a possibilidade de melhoria para os produtores. O presidente da Associação da Gleba Ariranha, Alcidino Quirino Gomes, também disse que o momento era muito importante para todos os moradores. “Esperamos por isso durante 9 anos. Temos muita honra em receber estes títulos”, enfatizou, emocionado o produtor rural.

Rita Strabis, 54 anos, moradora da Gleba Ariranha, declarou que receber o título de propriedade é a realização de um sonho realizado. “Nós moramos há quase 40 anos nesta região. Viemos de Dourados em 1970. Só agora teremos a nossa terra, de verdade”, declarou emocionada a agricultora, lembrando também que a família lutou muito, criando gado, para sobreviver. “Agora, como donos, podemos fazer financiamentos junto ao governo”, enfatizou.

Maurício Lojol Ribeiro, 27 anos, também diz que está realizando um sonho. “Eu vim de Nortelândia. Nós esperamos muito por isso. Com o título de nossa terra, conseguiremos benfeitorias”, declara, informando que os lotes da Gleba Ariranha possuem cerca de 37 hectares.

Também estiveram presentes o presidente da Assembléia Legislativa, deputado José Riva, o deputado estadual Wagner Ramos, deputado federal Wellington Fagundes, o secretário de Estado de Educação, Ságuas Moraes, dentre outras autoridades.
 

Por: SOLANGE DE FÁTIMA WOLLENHAUPT
Fonte: Secom-MT


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!