MP e candidatos definem consenso para TAC

17/07/2012 17:33

 

Autora:Flávia Borges, repórter do GD Fonte:GD
 

Aconteceu nesta terça (17) a última reunião entre representantes do Ministério Público e os candidatos à Prefeitura de Cuiabá para a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) na tentativa de criar regras para a campanha eleitoral deste ano.

Conforme o promotor da Propaganda Eleitoral Alexandre Guedes, 3 pontos já foram acordados entre os representantes das coligações que participaram da reunião.

O primeiro refere-se às carreatas, que só poderão acontecer nos finais de semana e feriados. No sábado, porém, os candidatos só estão liberados após as 15 horas. A ideia, segundo Guedes, é não atrapalhar o trânsito na Capital.

O segundo ponto discutido e acordado é o que veta o uso de fogos de artifício durante os atos de campanha. Neste caso, estão proibidos todos os eventos pirotécnicos.

Já o terceiro ponto que foi consenso é quanto ao horário de trabalho dos cabos eleitorais. “É desumano fazê-los trabalhar neste sol escaldante de Cuiabá”, avaliou Guilherme Maluf (PSDB), um dos candidatos que vão disputar a sucessão do prefeito Chico Galindo (PTB) em outubro. Conforme o acordo, eles não poderão trabalhar entre as 11h e as 15h.

O promotor explica, porém, que outras questões ainda podem ser acrescentadas antes da assinatura do TAC, que deve acontecer na próxima segunda (23).

Entre os assuntos discutidos nesta terça e que não houve acordo por parte dos representantes das coligações está o uso da internet na campanha. Alguns candidatos não concordam com a limitação do uso, especialmente das redes sociais.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!