PF fecha oito empresas de segurança privada em Sorriso

01/06/2012 07:28

Fonte:24 Horas News



A Delegacia de Policia Federal em Sinop realizou na manhã desta quinta-feira (31) fiscalização nas empresas que atuam no ramo da segurança privada em Sorriso (420 Km ao Norte de Cuiabá). Ao todo foram fiscalizadas oito empresas, que não possuem Autorização da Policia Federal para exercerem a atividade de segurança privada.

Na operação, a PF constatou também que vários seguranças dessas empresas não possuem sequer o curso de formação, ou seja, não foram preparados para exercerem tal função. Outro agravante encontrado pelas equipes policiais que realizaram a fiscalização é a jornada de trabalho a que são submetidos os empregados. No maior shoping de Sorriso, por exemplo, trabalham apenas dois seguranças, numa escala de 12 x 12 horas, enquanto o estabelecido em lei é de 12 x 36 horas, a ser realizado por pelo menos 04 (quatro) empregados.
 
As empresas fiscalizadas foram: Brasfort, Rotha, Grando, Sorriseg, Águia, Cooperviso, Vip Seg e Segurança FL. Foram apreendidos os equipamentos utilizados pelos seguranças nos locais onde exerciam a atividade irregular.  Todas as empresas foram notificadas a apresentar defesa no prazo de 10 dias e não mais poderão atuar até que regularizem a situação perante a Polícia Federal.
 
A Polícia Federal informa ainda que as empresas que desejem regularizar a situação devem procurar a Delegacia em Sinop, apresentar os documentos e preencher os requisitos necessários para exercerem a função. A PF ainda orienta para aqueles que necessitam de contratar os serviços de segurança privada que procurem as empresas que estão devidamente regularizadas e aptas para funcionar, informação essa que também pode ser obtida na Polícia Federal.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!