Se os recursos não fossem Roubados a Saúde do Brasil seria melhor, afirma Senador Pedro Taques

27/09/2011 09:43
O senador Pedro Taques (PDT) afirma ser favorável à decisão da Justiça Federal que suspendeu os contratos de gestão firmados entre o governo do Estado e uma Organização Social de Serviços (OS’s) para administração do Hospital Metropolitano.

“Isso quem paga é a população, que fica sem a certeza de um tratamento digno de saúde. Eu sou favorável a essa decisão da Justiça Federal, aliás, eu sempre defendi que saúde deve ser pública e de qualidade e não à geração do caos para que depois se venha fazer uma privatização escamoteada”, disse.

Ainda sobre saúde pública ele se diz contra a criação de um novo tributo para arrecadar fundos para a área. O senador afirma que é preciso melhorar a saúde com a diminuição dos desvios de dinheiro público.

“Segundo o Tribunal de Contas da União (TCU) um terço do dinheiro da saúde é roubado. Mato Grosso não investe os 12% na saúde, conforme determina a Constituição. Nós precisamos resolver isso com gestão, e com a diminuição do roubo do dinheiro público através da corrupção”, finalizou.
 
Fonte:Olhar Direto

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!