SP: populares queimam carro de suspeito de balear criança

09/01/2012 08:26

Os moradores do bairro Morada do Sol, em Nova Granada, a 471 km de São Paulo, atearam fogo, no início da tarde de domingo (08), no carro de um jovem de 25 anos, suspeito de ter sido o autor do disparo que matou um garoto de 11 anos na noite de sábado (07).

De acordo com a Polícia Militar um grupo de moradores se dirigiu até a casa do rapaz que eles acusam ser autor do disparo, e atearam fogo no veículo. Os Bombeiros foram chamados, mas o carro foi parcialmente destruído pelas chamas. Na delegacia, o rapaz negou ser o autor do disparo.

A polícia trabalha, até o momento, com a hipótese de que garoto, que brincava com três colegas em uma praça perto de sua casa, foi atingido por uma bala perdida. Os moradores passaram a desconfiar do rapaz depois que descobriram que ele teria uma arma com a qual costumaria dar tiros para o alto.

O rapaz, que não teve o nome divulgado, negou possuir arma de fogo. A polícia não encontrou nada na casa do acusado.

A Polícia Cientifica esteve no local e deverá nortear os investigadores para descobrir de que direção partiu o projétil que atingiu o menino na cabeça. O enterro do garoto aconteceu no final da tarde de ontem.
 


Autor: Wagner Carvalho
Fonte: Terra


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!